Diferença entre Legítima defesa e Linchamento(sim, muitos confundem)

O texto tem trechos retirados da wikipédia para conceituação.

“Legítima defesa ocorre quando alguém repele uma agressão injusta, que seja atual ou iminente, usando os meios necessários para isto; a agressão pode ser contra o próprio, ou contra um terceiro.

Durante o exercício da legítima defesa, podem ser cometidas infrações penais, porém quem as comete não é criminalmente responsável, ou seja, ocorre a exclusão da ilicitude.
Por outro lado, no caso do ofendido ter usado exageradamente dos meios necessários para repelir a agressão, ou seja, quando houver excesso de legítima defesa, o fato é ilícito e é punível. No Brasil, este caso é punível como crime culposo. Em Portugal, este é um atenuante da pena.”

Tradução: É quando uma pessoa salva a sua vida, ou a vida de outro. Feito apenas como proteção. Prática garantida pela constituição. Se alguma pessoa tentar te sequestrar, te matar ou te violar, você está autorizada a mata-la, se precisar matar, mate sem medo, porque ela não vei ter pena nenhuma de fazer alguma coisa com você. Se defenda, salve a própria vida, é um direito constitucional.

“Linchamento ou linchagem é o assassinato de uma ou mais pessoas cometido por uma multidão com o objetivo de punir um suposto transgressor ou para intimidar, controlar ou manipular um setor específico da população. O fenômeno está relacionado a outros meios de controle social, mas tem a característica de se tornar um tipo de espetáculo público.
Os linchamentos, geralmente, são mais frequentes em tempos de tensão social e econômica e, muitas vezes, têm sido vistos como uma forma encontrada por grupos dominantes para reprimir adversários. No entanto, este tipo de assassinato também resulta de preconceitos de longa data e práticas de discriminação que condicionaram as sociedades a aceitar esse tipo de violência como práticas normais de “justiça popular”.O linchamento constitui um fenômeno violento de difícil conceituação, pela multiplicidade dos aspectos envolvidos; sendo assim, sua definição tem gerado muitas controvérsias; contudo, algumas características do linchamento são comuns em diversos estudos e podem ser descritas sem grande ambivalência. Deste modo, os linchamentos são crimes cometidos por cidadãos em uma multidão, contra uma pessoa ou grupos menores que romperam uma norma social preestabelecida.”

Tradução: ato de fazer justiça com as próprias mãos. Geralmente causado por uma inconformidade social, sede de justiça certa(que ocorrerá). Não julgo quem faz linchamento, pois normalmente são feitos por impulso, por estar naquele momento contagiado por uma porção de pensamentos. Contudo, não apoio quem é a favor que isso ocorra ou quem acha que esse espetáculo vai mudar alguma coisa. Se vamos lutar por justiça, lutemos por um sistema penal que funcione(quantas pessoas vão a rua para lutar por uma restruturação do sistema penal?), que prenda TODOS que cometem infrações(não só os linchados, que tem uma predominância de classes sociais miseráveis) e os reabilite, principalmente(a cadeia foi feita não só para punição, mas para reabilitação social, não para prender seres humanos em jaulas e eles voltarem a sociedade pior do que entraram).

Fontes de informação: Wikipédia

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s