Procurando o Nemo

Procurando o Nemo conta a história de Marlin, um peixe palhaço em busca do seu filho deficiente chamado Nemo, que fogiu devido a super-proteção dada por ele. Nesta fuga, Nemo é sequestrado por um mergulhador – também dentista – e vai parar em Sidney, Austrália, onde fica seu consultório odontológico. Tornando-se um peixe de aquário, tal é o lugar que encontra outros animais marinhos desde criados em lojas até os quais se identifica por virem do mar. Enquanto isso, seu genitor à caminho, encontra-se com um peixe fêmea com problema de memória chamada Dori e devido as inusitadas pistas descobertas por ela e uma dolorosa estrada ao ponto principal, chegam ao local que Nemo está preso.

A animação lembra a ideia de sempre correr atrás dos nossos sonhos, independente do alcance. Nemo demonstra isso claramente quando arriscou sua vida para atravessar o aquário cheio de obstáculos mesmo com a nadadeira deformada, ou a personagem Dori que com uma doença semelhante ao Alzheimer conseguiu  reconhecer Nemo quando foi preciso.

Por outro lado, sendo uma obra do estúdio Pixar, feita para o público infantil,  faz uma crítica à cadeia alimentar com a frase do tubarão “peixes são amigos, não comida”, fazendo a criança torna-lo um vilão quando ele tenta devorar os protagonistas. Muitos pedagogos vêm lutando contra esse conceito que, apesar de ironizado no filme retoma a ideia dos animais carnívoros serem ruins para a natureza, sendo que comer carne é extremamente natural.

Autor: Cortez Hime

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s